Uma proposta de estratégia de futuro para o Recife

A execução de um planejamento de longo prazo é uma estratégia que antecipa cenários, definindo prioridades diante dos desafios e oportunidades que devem surgir nos próximos anos. Não é uma simples aposta de futuro, é um Plano com fundamentos técnicos que devem nortear ações e escolhas para promoção do desenvolvimento e realização dos objetivos.

O Plano Recife 500 Anos teve seu processo iniciado a partir da definição dos parâmetros de referência e identificação dos indicadores da cidade sobre o atual momento e o futuro desejado para o Recife. Para isso, foram realizadas pesquisas qualitativas com entrevistas com grupos focais, pesquisa quantitativa com questionários respondidos por pessoas em toda a cidade e pesquisa via internet.

Além deste levantamento de informações, também foi realizado um benchmark, ou análise comparativa, para buscar boas práticas e casos de referência mundiais, bem como de comparar o desempenho do Recife com outras 16 cidades brasileiras com mais de um milhão de habitantes e outras 14 Regiões Metropolitanas, observadas em relação à Região Metropolitana do Recife. Uma análise retrospectiva também foi realizada para traçar um diagnóstico recente do Recife, entre os anos de 1990 e 2015, no contexto municipal e metropolitano.

Ao longo do processo de elaboração do Plano cerca de cinco mil pessoas nas seis Regiões Político-Administrativas (RPAs) da cidade foram ouvidas em workshops, oficinas técnicas e seminários. Além disso, foram realizados encontros com o Fórum do Plano de Regularização das Zonas Especiais de Interesse Social (PREZEIS) e com representantes dos Conselhos Setoriais do Recife.

A partir da participação popular, houve a análise e elaboração técnica dos saberes coletados. A equipe técnica da ARIES iniciou o aprofundamento da estratégia nas diversas áreas de interesse da cidade, que em seguida foi apresentada para segmentos da sociedade através de oficinas com grupos focais para trazer novas perspectivas sobre a visão de futuro.

O resultado dessas etapas foi apresentado no Caderno de Construção Coletiva da Estratégia de Futuro da Cidade, material que serviu para facilitar o acesso das informações a pessoas interessadas em contribuir com o Recife 500 anos.

Como última etapa, foi elaborada uma “Carteira de Projetos Estratégicos” que que elenca possíveis ações concretas para gerar transformações necessárias as transformações necessárias à construção da visão de futuro.

Leia a proposta e a estratégia completa para o futuro da capital pernambucana baixando gratuitamente o Plano Recife 500 Anos!

Crédito da imagem: Gadelha – @gadelharia